Interreg Sudoe - Programa Interreg Sudoe

Os projectos aprovados

Os projectos aprovados

Novo Método para qualificar o desenho de habitações de interesse social, e avaliar a sua sustentabilidade e eficiência energética no território SUDOE
Novo Método para qualificar o desenho de habitações de interesse social, e avaliar a sua sustentabilidade e eficiência energética no território SUDOE

ARCAS

Novo Método para qualificar o desenho de habitações de interesse social, e avaliar a sua sustentabilidade e eficiência energética no território SUDOE

Eixo 3: Economia de baixo teor de carbono

Eixo 3 Economia de baixo teor de carbono

Objetivo 4c Melhorar as políticas de eficiência energética nos edifícios públicos e na habitação através do desenvolvimento de redes e da experimentação conjunta
Custo total eligível (€) 1.316.911,38 € Ajuda FEDER (€) 987.683,54 €
Contato Arturo Gutierrez de Teran y Menéndez Castañedo Responsable del proyecto fecea@fecea.org
Setores
  1. Serviços ambientais (gestão e proteção de riscos e da biodiversidade) e energia (tecnologias de produção, distribuição e armazenamento a partir de fontes renováveis), qualidade do ar e controlo das emissões
  2. Melhoria da eficiência energética
  3. Utilização de energias renováveis nos domicílios
Convocatória Terceira Duração 37 Meses - Beneficiário principal Fundación Estudios Calidad Edificación Asturias Outros beneficiários
  • Universidad del País Vasco/Euskal Herriko Unibertsitatea Escuela de Ingenieria de Gipuzkoa Máquinas y Motores Térmicos
  • Université de La Rochelle Laboratoire des Sciences de l'Ingénieur pour l'Environnement - UMR 7356 CNRS
  • TIPEE
  • Universidade do Minho Escola de Engenharia
  • Consejería de Obras Públicas y Vivienda

Resumo do projeto del proyecto

ARCAS centra-se no clima do espaço SUDOE e oferece um instrumento que, com base em indicadores-chave, permite o desenho de edifícios que maximizem a eficiência energética, a qualidade do ar e que promovam o bem-estar social através da utilização das melhores técnicas disponíveis.

Regiões participantes

  • Cantabria
  • Norte
  • País Vasco
  • Poitou-Charentes
  • Principado de Asturias
Destinatários
  • Gestores da inovação e transferência tecnológica
  • Actores relacionados com o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável
  • Outras entidades com fins públicos ou de interesse social / ONGs